SOBRE

Declaração de Princípios

O nosso grupo de arquitectos – planificadores físicos – urbanistas é uma empresa de consultoria vocacionada para responder a todas as dimensões do arranjo do espaço habitável, no contexto africano em geral e, prioritariamente, no contexto moçambicano.

Esta equipa técnico-criativa, orienta-se por uma carta de princípios ético-profissionais que estabelece como premissa, indispensável à aceitação de qualquer encomenda, a sua validade e relevância social.

A sua actividade cobre um largo espectro de temas que vão da consultoria para aspectos legislativos do ordenamento do território ao desenho de móveis e à gráfica, passando pela arquitectura e pelo desenho urbano até à definição de estratégias de intervenção e requalificação das áreas urbanas degradadas. 

Os critérios de acesso à participação neste grupo de profissionais, motivados por princípios partilhados, foram e são, permanentemente, postos em causa e reforçados através de um processo de constante avaliação da coerência da resposta e da qualidade dos serviços prestados à comunidade e ao cliente.

A medida dessa qualidade é, ou pretende ser, sempre aferida pela fidelidade a uma carta de princípios que orientam uma atitude pioneira e totalmente descomprometida com os aspectos mercenários da profissão.

Naturalmente esta não é uma luta fácil e a ausência de projectos especulativos na nossa carteira e historial de projectos atesta, seguramente, a coerência, que conseguimos manter, através de quase cinquenta anos de trabalhos, para com princípios que julgamos de validade universal.

Esses princípios materializam-se na procura de uma racional, elaborada para cada projecto, que dê o primado aos aspectos de justiça social e de sustentabilidade ambiental. 

É responsabilidade, que sentimos como nossa, a de estabelecer padrões de profissionalidade, que nos não são normalmente exigidos pelo cliente, mas que consideramos indispensáveis à construção de uma plataforma de referência que, por razões históricas, foi eliminada ou severamente erodida no panorama da construção em Moçambique. 

Neste sentido tem uma importância capital a actividade didáctica que tem a alguns dos membros da equipa como professores da Faculdade de Arquitectura e Planeamento Físico da Universidade Eduardo Mondlane, onde todos foram formados.

Finalmente é também fundamental para a nossa actividade o estabelecimento de uma relação intransigente com o construtor, mas onde a descoberta de novos processos e tecnologias seja encorajada e partilhada, em benefício do cliente e do desenvolvimento de um sector essencial á evolução positiva da sociedade moçambicana.